DETALHES DA NOTÍCIA - Sindicato cobra PDE para todos

A COE Bradesco (Comissão de Organização dos Empregados do Bradesco) se reuniu com representantes do banco na segunda-feira 11. O principal tema tratado na reunião foi o PDE (Prêmio por Desempenho Extraordinário), o recém-criado programa de remuneração variável, uma antiga reivindicação dos bancários. Entretanto, só são elegíveis para o PDE gerentes de agências, gerentes administrativos e gerentes da área comercial. 


“O movimento sindical aguardava ansiosamente essa reunião. Um programa de remuneração variável é uma antiga reivindicação dos bancários do Bradesco e do movimento sindical. Vemos sim como um avanço a criação do PDE. Porém, a nossa reivindicação histórica sempre foi um programa que contemplasse todos os funcionários. Essa é nossa cobrança, que o PDE seja para todos”, enfatiza a coordenadora da COE Estadual do Bradesco, Maria de Lourdes da Silva, a Malu.

De acordo com os representantes do banco na reunião, o PDE será atrelado a resultados individuais e coletivos, o acompanhamento será mensal e o prêmio anual, proporcional ao período trabalhado, considerando afastamentos como licenças saúde e maternidade, e transferências de agências.  O banco informou ainda que já possui as ferramentas necessárias para a medição de resultados e que o regulamento detalhado do programa será divulgado até o fim de março.

“O movimento sindical bancário reivindica que a premiação contemple a todos, uma vez que todos são responsáveis pelos excelentes resultados do banco. Isso já acontece nos programas dos demais bancos. Da forma como o programa está colocado, ele contempla apenas uma parcela dos funcionários, excluindo da premiação, por exemplo, funcionários de centros administrativos e alguns cargos de agências”, reforça Malu.

Outros temas

Entre outros temas tratados na reunião, também foi debatida a questão do recolhimento do INSS. Os representantes do banco informaram que o recolhimento está sendo realizado corretamente pelo banco e que já procurou o INSS para correção de eventuais falhas. Caso o bancário não visualize o recolhimento no extrato do INSS, ele deve procurar o RH do banco para que o problema seja solucionado.

Além disso, foi apresentado calendário de negociações com as federações de bancários, entre abril e maio, para solucionar problemas de credenciamento do Saúde Bradesco e Dental.